Como se libertar da cocaína

Resultado de imagem para cocaína

Como se libertar da cocaína

O Brasil é um dos paises que mais cocaína consome. De fato, estima-se que mais de dois milhões de adultos jovens entre os 15 e os 34 anos, consumiram cocaína durante o último ano, de acordo com dados de 2015.
Este número não mudou muito nos últimos anos: até 2008, registrou-se um aumento da prevalência do consumo em nosso país e, desde então, está estagnada, com ligeiras quedas ocasionais.
Estes dados demonstram que o consumo de cocaína não é um fenômeno isolado nem marginal na sociedade atual, mas que se trata de um importante problema de saúde que assola à America. Tanto é assim que cada vez mais pessoas procuram a ajuda de um profissional de saúde para abandonar esta vícios. Os últimos dados oficiais a respeito, que provêm do Relatório sobre Drogas, mostram que a cada ano cerca de 60.000 pacientes iniciam um tratamento especializado para superar esta dependência.

Quais são os efeitos da cocaína no organismo?
A cocaína faz com que quem a consome se sentir mal, com muita energia e em situação de alerta permanente, já que diminui a necessidade de dormir. À medida que aumentam as doses consumidas podem aparecer outros sintomas, como comportamentos erráticos agressivos, e irritabilidade, que se aguçam durante a síndrome de abstinência, isto é, durante os períodos em que não se toma esta substância.

Além disso, a cocaína causa importantes problemas de saúde:

Resultado de imagem para cocaína

– Distúrbios do ritmo cardíaco e aumento do risco de infarto.
– Acidentes cerebrovasculares toque rapidamente em.
– Dano pulmonar permanente.
– Insuficiência renal.
– Infecções graves, como a hepatite e o HIV, quando é consumido por via intravenosa.

Como se pode tratar o vício em cocaína?
Superar a dependência da cocaína não é fácil, mas é possível, se o processo de desintoxicação é realizada sob o controle e a supervisão de uma equipe multidisciplinar de especialistas neste campo. É muito importante recorrer a centros especializados e Xtrasize que possam fazer uma avaliação precisa de nossa situação e criar um tratamento individualizado capaz de evitar as recaídas, já que a fase de abstinência é especialmente dura.

Resultado de imagem para cocaína

Após uma exaustiva avaliação física e psicológica, os especialistas determinarão qual é o tratamento psicológico, individual, de grupo combinado, que pode nos ajudar a superar o problema. Entre estes tratamentos se encontram as terapias cognitivo-comportamentais, técnicas de relaxamento e de controlo emocional, e outras terapias que podem incluir a participação de familiares ou outras pessoas de apoio.

Além disso, o tratamento psicológico pode ser combinado com o farmacológico e Macho Macho para o controle de sintomas. Se bem que não existe nenhum medicamento capaz de ‘curar’ a cocaína, alguns medicamentos podem ajudar a controlar o estresse e a ansiedade durante o período de abstinência e o processo de desintoxicação. Serão os médicos especialistas que definem o tipo de ajuda que precisamos.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *